Vida Espiritual

O Sodálite procura responder na sua vida o convite que Deus faz a todo ser humano a ser santo. Reconhecendo o chamado particular de Deus a uma entrega plena, avança pelo caminho espiritual de encontro e configuração com o Senhor Jesus pela piedade filial a Santa Maria. É um processo que implica uma consciência viva da verdade sobre a própria pessoa que leva a viver na humildade e que o lança a viver a caridade e participar ativamente no anuncio da Boa Nova a todo o mundo.

Dentro da comunhão da Igreja, o Sodalício possui a sua própria espiritualidade, disciplina e estilo. Deste modo, seus membros têm os meios apropriados para fortalecer e consolidar a sua vida cristã assim como a sua plena disponibilidade para servir o Plano de Deus.

Por outro lado, conforme ao chamado específico, cada Sodálite participa intensamente da missão evangelizadora da Igreja, buscando que a Boa Nova alcance e transforme tudo aquilo que está em contraste com a Palavra de Deus e seu plano de salvação.

Como indicam as suas Constituições, os sodálites “acreditam que na economia da reconciliação, a iniciativa é de Deus Amor. Fazendo uso correto da sua liberdade, o homem acolhe esta iniciativa e a comunica. O infinito amor de Deus conduz o Filho de Santa Maria, o Verbo Eterno encarnado, a reconciliar a humanidade com Deus e a servir aos homens como modelo reconciliador, anunciando a Boa Nova, pela sua vida, por suas ações e palavras. No altar da reconciliação explicita a missão de Santa Maria de ser nossa Mãe. Como a Virgem coopera com o Espírito Santo no mistério da Anunciação-Encarnação, também coopera na forja da nascente Igreja e o segue fazendo hoje”.

Caminhando em companhia de Maria, os sodálites aprendem a viver o horizonte pleno da vida cristã, buscando converter a sua vida e o seu trabalho em gesto litúrgico. Impulsionados pelo desejo de anunciar o Senhor, participam na obra apostólica de Santa Maria, seguindo o seu exemplo e cooperando com a ação de Deus sob a sua guia maternal.

Buscar a santidade, com tudo o que isso implica, é uma meta central na vida sodálite, e que está intimamente relacionada com o chamado universal a evangelizar.